Nos últimos dois meses 36 cabeças morreram por falta de trato.(Foto: Divulgação)

A Polícia Ambiental de Umuarama constatou em uma fazenda no Distrito de Carboneira animais morrendo em decorrência de maus tratos e falta de alimentação.

Em apoio a Secretaria de Meio Ambiente a Vigilância Sanitária de Umuarama, policiais ambientais  estiveram na fazenda que possui  110 alqueires e conta com 672 cabeças de gado e durante  vistoria na propriedade rural,  na última segunda-feira  (07) quando  foram encontrados animais definhando, não conseguiam sequer ficar em pé , várias cabeças recentes e antigas espalhadas pelo pasto também foram encontradas. Segundo testemunhas nos últimos dois meses 36 cabeças morreram por falta de trato.

O proprietário da propriedade rural, um idoso de 82 anos, que se encontra acamado foi autuado pela prática de maus tratos aos animais.

Fonte: Umuarama News

Fotos: Divulgação

 

Compartilhe: