Com campanhas dignas de campeões, as seleções de handebol de Iporã e Jussara conquistaram, nesta segunda-feira, dia 16, o título da fase regional da divisão B do 31º Jogos da Juventude do Paraná – JOJUPS, que está sendo realizada em Nova Olímpia. A conquista coloca as duas equipes na fase final da competição, que acontece de 11 a 17 de outubro, em Chopinzinho.

A vitória por 23 a 14 sobre Jussara colocou o time feminino de Iporã no lugar mais alto do pódio pelo segundo ano consecutivo, motivo de orgulho e satisfação em ter concretizado o objetivo principal. “Foi uma competição difícil, com um revés na primeira partida, com um bom jogo na sequência e hoje com uma partida mais consistente. Agora é continuar o treinamento, focar na próxima fase, colocando alguns objetivos pra saber até aonde podemos chegar”, frisou o técnico Diego Silva.

De acordo com o treinador jussarense, André Girotto, não tem uma competição que Jussara participa que fica fora do pódio. “Sempre fica entre as primeiras colocadas. Essa medalha representa o resultado de um trabalho desenvolvido há muito tempo, as meninas são bem novas ainda, tem um longo caminho pela frente”, declarou.

Por sua vez, Francisco Alves garantiu a medalha de prata ao vencer por 13 a 10 o elenco de Marilena. “Ganhar sempre é bom, estamos levando o 3º lugar com aquele gostinho de vitória”, destacou o professor Weslei Silva.

Depois de conquistar a medalha de ouro da categoria A (15 a 17 anos) na fase macrorregional do 65º Jogos Escolares do Paraná,  o elenco jussarense faturou o título regional dos JOJUPS sem perder um jogo. Na decisão pegou Rondon, superando os adversários por 26 a 16. “Essa medalha significa muito para o nosso time, começamos um trabalho em 2015, fomos campeões em 2016, perdemos para Iporã em 2017 e nesse ano viemos com o propósito de buscar o título regional e subir para a divisão A, metade já conseguimos alcançar, agora é se preparar para chegar à final com condições de brigar pela primeira posição”, enfatizou o professor Anderson Menezes.

Com a base formada por atletas de 16 anos, o dirigente afirma que apesar de ser uma equipe nova o grupo é bastante aguerrido, não se deixam abater pelas adversidades que enfrentam dentro de quadra. “Não deixam a peteca cair nunca o que nos motiva muito mais. Em um país onde se fala muito de futebol e futsal, a gente vem de uma cidade como Jussara com o handebol tendo este destaque maior nos orgulha muito. Agora pretendo intensificar os treinamentos para corrigir alguns erros e chegar bem na final”, analisou Menezes, contando que essa mesma equipe disputa a Chave Ouro do Campeonato Paranaense de Handebol Sub-18.

Segundo o capitão rondonense, Carlos Silva, faltou treinamento para o time ganhar regularidade na partida. “Estamos sem técnico, o que dificultou a preparação para os JOJUPS. Começamos a treinar a pouco tempo, se tivéssemos desde o começo do ano treinando estaríamos mais preparados, contudo atingimos nosso objetivo, que era chegar entre os primeiros. Encerramos nossa participação com o 2º lugar, resultado muito importante para a nossa cidade”, avaliou Silva.

Completou o pódio masculino o grupo de Francisco Alves, após a vitória de 21 a 18 sobre Querência do Norte, que terminou com a 4ª colocação.

As equipes foram premiadas com medalhas e ainda os campeões receberam um troféu.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo impróprio ou ilegal, denuncie.