Acontece às 20h desta quarta-feira (22), solenidade de entrega de título de Cidadão Honorário ao artista plástico Abraão Souza Hachicho. A honraria é uma proposição da vereadora e presidente da Câmara, Maria Ornelas e será entregue no plenário da Câmara Municipal de Umuarama em evento aberto a toda comunidade.

De 23 de julho de 1946, natural de Viçosa Alagoas, Hachicho descobriu o dom pela pintura aos 13 anos, em 1959, mas, sua trajetória é marcada por uma série de acontecimentos.  Viveu no Brasil até os cinco anos e depois mudou-se com a família para Beirute, Líbano, onde permaneceu até os oito anos. De volta ao Brasil, morou em Nova Esperança-PR, de 1954 a 1968.

Depois de Nova Esperança, Umuarama foi o destino, sendo esta a cidade onde reside até hoje.  Em 1975 se casou Casou-se com Valdecir Aparecida, com quem teve três filhos: Fabiana Hachicho Rodrigues, Gisele Hachicho e Alexandre Hachicho. São avós de Juan Marcho Hachicho  e Diogo Hassan Hachicho Rodrigues.

Na área acadêmica, se formou Técnico em Contabilidade, além de ter cursado Estudos Social.  Questionado sobre sua arte ele é categórico: “Sou autodidata. Minha obra consiste em pintura a óleo s/tela, concreto artístico na parede, Lapidações em pedras, decorações em templos. Meus trabalhos possuem cores expressivas em tons inusitados. Minha Técnica tem estilo próprio. Faço “Ciência da Arte Viva”. Minha criação artística inclui realismo, imaginação criativa e composição histórica”, enfatiza o Abraão Hachicho, que também é membro da Academia Umuaramense de Letras e Artes

O artista também ganhou notoriedade por, em suas telas, retratar Umuarama  no início do processo de colonização. Suas pinturas estampam inúmeros estabelecimentos comerciais, repartições públicas, tendo como protagonista principal a Capital da Amizade.

EXPOSIÇÕES

Já participou de várias exposições, dentre as quais: A Primeira Semana Cultural de Umuarama nos anos 1981- 1982- 1983- 1984-1988-1989-2000-2003-2007-2010-2011-2012. Entre 2004 a 2005, três Exposições na UNIPAR. Uma na UEM. Campos de Umuarama. Em 2005, No Centro Cultural de Umuarama, com acervos do Museu de Curitiba Pr. Da Amostra Regional de Artes Visuais – Secretaria do Estado da Cultura Governo do Paraná, no ano de 2007. Em 2008, participou da Mostra de Talentos junto ao Banco Real Van Gogh, hoje Santander. Também expos na Virada Cultural 2014. É de sua autoria a Capa da Revista Casos e Causos de Amor por Umuarama.  Um legado grandioso que certamente o credencia como cidadão honorário de Umuarama.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo impróprio ou ilegal, denuncie.