Joaquim Arciso Alves, 56 anos, foi executado na noite desta quarta-feira (10) na rodovia PR-490 em Altônia, saída para São Jorge do Patrocínio.

Alves foi encontrado por volta das 23h30 caído ao lado de seu veículo, Fiat Uno, já sem vida. No local do crime a PM encontrou cerca de 10 cartuchos deflagrados de pistola calibre 9mm e dois celulares que supostamente seriam da vítima.

Joaquim Arciso Alves, 56 anos, morto por vários disparos de pistola 9mm.
Foto: Divulgação

Joaquim Arciso, morador da cidade de Pérola, integrou a corporação da Polícia Civil até o ano de 2000. Atualmente estava trabalhando como vendedor em uma fábrica de jeans, em Pérola.

Segundo o irmão da vítima, Joaquim não sofria ameaças. O motivo e autoria do crime ainda são desconhecidos.

O corpo de Joaquim foi encaminhado ao Instituto Médico Legal de Umuarama para o exame de necropsia.

A Polícia Civil de Altônia investiga o caso.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo impróprio ou ilegal, denuncie.