Um policial militar foi preso durante uma operação deflagrada na manhã desta terça-feira (04) em Santa Izabel do Ivaí.

A operação teve como objetivo desarticular uma quadrilha de tráfico de drogas que agia na região. Além do militar, outras 12 pessoas também foram presas.

Durante a operação, 12 mandados de busca e apreensão domiciliares, e 09 Mandados de prisão foram cumpridos , nas cidades de Santa Isabel do Ivaí e Planaltina do Paraná, sendo 08 expedidos pelo Poder Judiciário da Comarca de Santa Isabel do Ivaí e o policial pela Vara da Auditoria da Justiça Militar Estadual (VAJME).

Contudo, durante os cumprimentos, houve ainda mais 04 prisões em flagrante delito, aumentando o número de presos para 13 pessoas.

Foto: Divulgação Polícia Militar

Foram apreendidos 01 pistola, da marca TAURUS e de calibre.380, com carregador e 8 munições; 177 munições de calibre .22; 1 munição calibre .38; 18 aparelhos celulares; R$ 1.084 mil em espécie; carregadores, um pendrive, máquina de cartão de crédito, chaves de veículos e um canivete.

Também foram apreendidos mais de dois quilos de entorpecentes, sendo 543 gramas de cocaína; 45 gramas de maconha; 977 gramas de crack; 435 gramas de haxixe; balanças de precisão e 300 sacos plásticos para a embalagem dos entorpecentes.

Foto: Divulgação Polícia Militar

Participaram da operação 34 Policiais Militares da 3ª Companhia Independente de Polícia Militar (Loanda), responsável pelo policiamento na região, e da Companhia de Choque do 4º Batalhão de Polícia Militar (Maringá), além do emprego de 02 cães farejadores, para uso na busca de substâncias entorpecentes, bem como 21 Policiais Civis, totalizando 55 policiais.

O policial militar, suspeito de envolvimento criminal, teve todos os seus equipamentos militares recolhidos, como a arma de fogo, munições, fardamentos e afins, até que passe pelo devido processo legal.

Todos os objetos apreendidos foram encaminhados para a 20ª D.R.P. de Loanda para a adoção das providências cabíveis, juntamente com os presos, com exceção do policial militar, que foi entregue à Autoridade Judiciária Militar competente, ficando à disposição na região Metropolitana de Curitiba.

(Edição Flávia Azevedo)

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo impróprio ou ilegal, denuncie.