Márcio Roberto Sores Vieira, acusado de matar a ex namorada no último dia 27 no Conjunto Habitacional Sonho Meu II em Umuarama foi preso pela Polícia Militar em Tapejara, onde estava escondido, nesta quinta-feira (10). Na ocasião do homicídio, o autor era monitorado por tornozeleira eletrônica por ter sido condenado pelos crimes de tráfico, associação ao tráfico, roubo e furto. Logo após assassinar Célia Ribeiro Matos da Silva a golpes de faca, o criminoso rompeu a tornozeleira.

De acordo com os investigadores da 7°SDP de Umuarama, o que motivou o crime foi que a vítima se recusou a manter relação sexual com ex-companheiro. Testemunhas ouvidas pela Polícia Civil também afirmaram que Célia havia dito que que o Márcio queria a transferência do imóvel da vítima para o nome dele, o que não foi aceito por Célia.

Na tarde desta sexta-feira (11) foi expedido pela Justiça um mandado de prisão preventiva contra Márcio Eduardo pelo crime de feminicídio que havia sido representado pelo delegado operacional da 7° SDP Thiago Sores.

O autor do crime se encontra detido da 17°DRP de Cruzeiro do Oeste, local que foi formalmente cumprido a ordem de prisão preventiva pelo feminicidio, e posteriormente, será decidido se Márcio será transferido para Penitenciaria Estadual de Cruzeiro do Oeste ou para a Cadeia Pública de Umuarama.

De acordo com o delegado Thiago Sores, a conclusão das investigações ficará a cargo da Delegacia da Mulher de Umuarama.

Relembre o caso:

 

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo impróprio ou ilegal, denuncie.