Reportagem cedida por Catve.com

As investigações da Polícia Militar começaram logo após o fato. No dia 8 de fevereiro deste ano o idoso Domingos Galon, 78 anos foi morto com um tiro no peito na propriedade rural onde morava em Santa Tereza do Oeste.

Na ocasião, a hipótese levantada foi a de um confronto, no entanto, após meses de averiguações foi constatado que houve execução “encomendada”.

O soldado da polícia militar, Jean Capistrano é apontado como autor do homicídio e Alisson Felipe Dovedor como mandante do crime. A motivação envolve briga por causa de terra e o soldado receberia R$ 40 mil pelo serviço.

O militar estava de folga no dia do crime e trocou a escala sem pedir autorização. Após matar Domingos, Jean pediu apoio de outros policiais na propriedade rural e contou que havia tido confronto, pois uma arma foi encontrada com Domingos, no entanto, as investigações apontaram que a arma foi plantada no local do crime.

Jean foi preso em cumprimento de mandado judicial expedido pela primeira vara criminal na manhã de segunda-feira (23) na sede do comando em Cascavel. Outro mandado de prisão preventiva também foi cumprido contra Alisson Felipe. O tio de Alisson também foi preso durante busca na propriedade do homem, no local, os policiais localizaram três armas.

Jean está detido em uma cela no batalhão de polícia militar. O comando irá encaminhar à Curitiba o pedido de exoneração do soldado que está há sete anos na corporação, três deles no Pelotão de Choque.

Fonte e fotos: Catve.com

Notícias relacionadas:

PM de Cascavel é preso acusado de matar idoso de 78 anos e forjar cena de crime (vídeo)

Vovô do crime! Idoso de quase 80 anos morre em confronto com a polícia na região de Cascavel

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo impróprio ou ilegal, denuncie.