A Polícia Civil do Paraná (PCPR) prendeu em Quatro Barras, Região Metropolitana de Curitiba, Elenice Krupek Borges, de 36 anos, suspeita pela autoria do incêndio que vitimou o próprio marido, Alexandre Adam Rampão, de 46 anos. O crime aconteceu no dia 25 de maio de 2019, no bairro São Pedro, também em Quatro Barras.

De acordo com a investigação, após o fato a suspeita teria dito que o fogo havia começado na cozinha de sua residência por uma panela que ela havia deixado no fogão. Ainda segundo o relato inicial da mulher, o fogo teria tomado conta do quarto e ela não conseguiu salvar seu marido, pois o chamava e ele não acordava.

Versão que começou a entrar em conflito com a investigação da PCPR, já que não havia indícios de incêndio na cozinha da casa. A mulher ainda teria tentado sustentar a história contada, mas também foi desmentida por testemunhas ouvidas pela no curso das diligências.

Segundo essas pessoas, ela relatou que queria simular um incêndio e por isso teria colocado fogo na cortina. Ainda de acordo com os depoimentos, a mulher disse que a intenção não era matar o homem, porém, o fogo teria tomado uma proporção maior do que ela esperava. Um áudio foi apresentado na delegacia, onde Elenice confirma a autoria do crime.

A mulher, que será indiciada por homicídio qualificado por motivo torpe, segue presa e está à disposição da Justiça.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo impróprio ou ilegal, denuncie.