A Polícia Civil deflagrou, na manhã desta segunda-feira (12), a operação “Chupim”, no bairro Fazendinha, em Curitiba. Os alvos da ação são suspeitos de aplicar um golpe milionário em um senhor, de 82 anos.

Ao todo foram cumpridos sete mandados judiciais, sendo quatro mandados de prisão temporária e três de busca e apreensão. No decorrer da ação, também foi realizada uma prisão em flagrante.

O grupo criminoso é suspeito de fraudar contas bancárias da vítima e ter movimentado mais de R$ 1 milhão em previdência privada e demais benefícios do idoso. Sabendo da capacidade financeira da vítima, os suspeitos teriam aproveitado-se do grau de parentesco que tinham com a esposa do idoso, que havia falecido recentemente, para arquitetar o plano junto aos netos.

De acordo com a investigação, uma mulher, de 43 anos, levava a vítima ao banco para efetuar saques e realizar transferências para contas bancárias de seus dois filhos. Ela se apresentava como filha da vítima. Além dos valores, há indícios de que o grupo teria adquirido quatro veículos de luxo por meio do golpe, três deles em menos de 60 dias.

A polícia conseguiu identificar também algumas transações bancárias de R$ 50 mil e R$ 800 mil das contas dos suspeitos. Um ponto importante para a investigação é que nenhum dos suspeitos realiza qualquer tipo de atividade trabalhista, que justifique as transações em valores tão altos.

As cinco pessoas presas na ação permanecem detidas à disposição da Justiça.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo impróprio ou ilegal, denuncie.