O namorado de Thais Puquer Miranda, 20 anos, se apresentou à Polícia Civil de Umuarama na manhã desta segunda-feira (16) e relatou ter sido o autor do disparo que vitimou a jovem na última sexta-feira (13), no Jardim Colibri, em Umuarama.

O autor do crime ainda relatou ao delegado que o tiro teria sido acidental. Ele foi ouvido e liberado por não estar em flagrante delito.

A jovem foi morta com um disparo de pistola calibre 9mm no quarto da casa que morava a cerca de um ano e meio com o namorado.

Pessoas ligadas a Thais afirmam que ela sofria violência doméstica e por várias vezes chegou no trabalho com sinais de espancamento, além de estar sendo ameaçada de morte por querer o fim do relacionamento.

O delegado que investiga o caso não quis se manifestar, mas disse que as investigações continuam.

Relembre o caso:

Jovem é executada dentro de sua casa em Umuarama

 

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo impróprio ou ilegal, denuncie.