A Prefeitura de Umuarama informou nesta quarta-feira (9), que a ponte sobre o ribeirão Piava, na Estrada Jaborandi – ao lado da estação de captação da Sanepar –, terá a passagem totalmente interditada para obras entre os dias 10 a a 31 deste mês. A travessia vai passar por uma reforma completa e será alargada em 1,60 m, além de receber novos guarda-corpos.

A reforma da ponte completa a obra de revitalização da estrada, que contou com a pavimentação asfáltica – entre a estação de captação e a Avenida Portugal, no Jardim Soluar – e o plantio de faixas laterais de grama. A Jaborandi é a primeira que a Prefeitura asfaltou através do programa de pavimentação de estradas rurais visando a melhoria da infraestrutura e saneamento.

“Temos aqui recursos federais (custo total estimado em R$ 3,8 milhões) obtidos através de emenda ao Orçamento da União apresentada pelo então deputado Alfredo Kaefer, a participação dos moradores beneficiados com a obra, de acordo com a testada de suas propriedades, e a contrapartida do município em recursos próprios”, lembrou o prefeito Celso Pozzobom.

Essa união de esforços resultou em uma estrada segura, confortável e de alta durabilidade, que garantirá conforto e segurança ao alto volume de veículos que por ali transitam – o trecho abriga diversas chácaras de lazer, agricultura familiar, área de proteção ambiental (APA) e dá acesso à captação da água consumida pela população. São cerca de 6 quilômetros entre a Avenida Portugal e a estação da Sanepar.

Durante o período da reforma, o acesso às propriedades rurais além da ponte poderá ser feito pela Estrada Boiadeira, que tem conexões com as rodovias PR-482 (Maria Helena) e PR-580 (Serra dos Dourados), ou ainda pela Estrada Piava, que também liga a Jaborandi à rodovia PR-580 – cerca de 7,5 km à frente do Parque Jabuticabeiras.

Além desta obra, a Prefeitura também construiu pontes em concreto nas estradas Esperança e Desengano e iniciou recentemente mais um conjunto de seis pontes rurais nas estradas Moema (sobre o ribeirão do Veado), Itajé (córrego Cedro), Baitira (córrego Garça), Paulista (córrego Água do Jumento), na Estrada Divisora (córrego Água Santa Rosa) e na Cearense (ribeirão Tiradentes).

DCIM100MEDIADJI_0655.JPG

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo impróprio ou ilegal, denuncie.