O ex-prefeito da gestão 2013-2016 de Moreira Sales, Luiz Volpato, teve seus bens bloqueados liminarmente pela Justiça, em R$ 109.356,02. A decisão decorre de pedido formulado em ação civil pública por ato de improbidade ajuizada pelo Ministério Público do Paraná, por meio da 1ª Promotoria de Goioerê.

Investigações realizadas pelo MPPR apuraram que, durante o mandato, Volpato recebeu indevidamente diárias para viagens não comprovadas ou sem interesse público envolvido, bem como diárias pagas em excesso.

A Promotoria requer a condenação do réu às sanções previstas na Lei de Improbidade, como suspensão dos direitos políticos, ressarcimento integral dos danos causados ao erário e pagamento de multa.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo impróprio ou ilegal, denuncie.