O setor de Saúde Mental da Secretaria Municipal de Saúde, em parceria com o Centro de Atenção Psicossocial (CAPS II), realizará uma ação em alusão à Campanha Janeiro Branco com a presença do médico psiquiatra Sebastião Maurício Bianco, que vai explanar a temática em reunião na sede do CAPS II, nesta sexta-feira, 24, às 9h.

Um dos objetivos do encontro é tornar as discussões de saúde mental possíveis em seus serviços, equipamentos, instituições ao longo dos acolhimentos e atendimentos prestados aos usuários da rede de atendimento do município. “Convidamos os parceiros para que sejam multiplicadores das informações obtidas e estamos à disposição para a cooperação”, reforçou a psicóloga Catia Faquinete, coordenadora de Saúde Mental da Secretaria de Saúde.

“Não se trata de uma campanha colocada pelo Ministério da Saúde, mas devido à sua importância tem ganhado grande visibilidade em algumas regiões, chegando a tornar-se lei em municípios e Estados”, disse Cátia. Ao longo do mês, a equipe tem trabalhado nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) e no dia 24 haverá a ação mais ampla no Centro de Atenção Psicossocial, reunindo parceiros na execução de várias atividades ao longo do dia.

O Janeiro Branco é dedicado a levar as pessoas a pensarem sobre suas vidas, o sentido e o propósito de cada um, a qualidade dos seus relacionamentos e o quanto elas conhecem sobre si mesmas, suas emoções, seus pensamentos e comportamentos. “A campanha se dedica a colocar saúde mental em evidência, em nome da prevenção ao adoecimento emocional da humanidade”, reforça a psicóloga.

As ações buscam, ainda, sensibilizar as mídias, as instituições sociais, públicas e privadas e os poderes constituídos em relação à importância de projetos estratégicos, políticas públicas, recursos, espaços sociais e iniciativas socioculturais empenhadas em valorizar e atender às demandas individuais e coletivas, direta ou indiretamente, relacionadas aos universos da Saúde Mental.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo impróprio ou ilegal, denuncie.