Um requerimento com pedido de extrajornada voluntária aos policiais militares na ativa foi protocolado pelo deputado Soldado Adriano José ao Governo do Estado.

A questão financeira é um dos fatores que mais afligem os policiais militares que se dedicam à segurança do cidadão paranaense. Muitos se submetem a trabalho informal, os chamados “bicos”, para complementar a renda. Pensando nisso e buscando maneiras de melhorar a renda dos profissionais, o deputado estadual Soldado Adriano José apresentou na sessão desta terça-feira (17), requerimento ao Governo do Estado, solicitando a regulamentação da extrajornada voluntária aos policiais militares na ativa.

“Eu, particularmente, já fiz muitos bicos, e defendo que com essa ação os policiais fariam o bico na própria corporação, fazendo o que eles foram preparados pra fazer que é prestar segurança pública aos paranaenses. No estado de São Paulo por exemplo já existe essa lei, e funciona muito bem”, declara o deputado.

Nos estados em que já foi regulamentada, a extrajornada foi bem vinda pela população, que viu o aumento expressivo do número de policiais nas ruas, e também elogiada por quem avalia as medidas pelo poder público, já que os gastos com a extrajornada são menores do que a contratação de mais profissionais.

No requerimento, Adriano José lembra que a Lei Estadual n° 19130/2017, autoriza a atividade extra ornada voluntária, com pagamento de diária especial, aos policiais e bombeiros militares, educadores sociais, agentes penitenciários e integrantes dos quadros próprios da polícia civil e polícia científica em atividade por, no mínimo, seis horas contínuas de atividade fora da jornada de trabalho.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo impróprio ou ilegal, denuncie.