O deputado estadual Soldado Adriano José (PV) solicitou ao secretário estadual de Segurança Pública, Coronel Rômulo Marinho Soares, mudança no armamento funcional utilizado pela Polícia Militar do Paraná, que hoje utiliza armas da fabricante Taurus. Para o parlamentar, a substituição atenderá uma reivindicação antiga da corporação, que questiona a qualidade, principalmente, da pistola Taurus 24/7 -Calibre .40S&W., conhecida por falhas que resultam em disparos acidentais, que na pior da hipóteses provocam mortes.

Em ofício encaminhado ao secretário, soldado Adriano José – como integrante da PMPR hoje licenciado –  revela uma considerável insatisfação, por parte dos colegas, com o armamento fornecido à eles. ” Considerando que há extenso histórico dentro da corporação, assim como os defeitos que causam o disparo acidental da arma e a falha de disparos, quando acionado o gatilho, são notórios nacionalmente e internacionalmente”, cita o deputado estadual.

O parlamentar cita no requerimento, diversas situações sobre problemas envolvendo os disparos acidentais feitos a partir das pistolas Taurus, sendo o mais recente, que a fabricante Taurus teve suspenso, o direito de participar de contratação de produtos e serviços com o Estado de São Paulo. “Em decorrência de processo administrativo da Policia Militar daquele Estado, consequente dos sucessivos contratos de fornecimento de armas para a corporação e a constatação de defeitos nestes produtos, os quais colocam a vida de servidores e cidadãos em risco, desnecessariamente”, informa.

Soldado Adriano José também reforça seu compromisso com os pleitos da corporação, reiterando que suas ações são voltadas para a valorização dos agentes de segurança pública, lutando e buscando por condições adequadas e dignas de trabalho. “Não há dúvida que a falha em um disparo pode custar a vida deum policial, sendo que em ocorrências policiais não há segunda chance,necessitando do melhor do servidor, mas também o melhor do seu armamento”, afirma.

Por fim, o parlamentar sugere, ainda, outros fabricantes. “A exemplo daGlock e Sig Sauer – que oferecem armamentos com as mesmas características exigidas pela Corporação, com qualidade superior e valores concorrentes aos praticados pela empresa Taurus, e em principal sem históricos de defeitos no produto que colocam vidas em risco”, finaliza.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo impróprio ou ilegal, denuncie.