O soldado do Exército Daniel Henrique Trarbach Engelmann, morto em combate em maio deste ano, em Guaíra, no Oeste do Paraná, foi homenageado nesta quinta-feira (25), em Brasília. A solenidade teve a presença do presidente da República, Jair Bolsonaro, e do ministro da Justiça e Segurança Pública, André Luiz de Almeida Mendonça. O Paraná foi representado pelo secretário da Segurança Pública, Romulo Marinho Soares. Na cerimônia, também foi criada a Galeria de Heróis do Programa Vigia, onde ficarão quadros de homenagens a combatentes mortos.

No dia 10 de maio, o soldado atuava na Operação Hórus (que faz parte do programa Vigia), no Rio Paraná, em Guaíra, quando uma embarcação clandestina atingiu o barco em que ele e os outros dois representantes do Exército estavam. O corpo foi resgatado cinco dias depois.

ATUAÇÃO – O Programa VIGIA, em que as forças atuavam no momento do incidente, é coordenado pela Secretaria de Operações Integradas do Ministério da Justiça e Segurança Pública e é composto por representantes das forças de segurança estaduais e federais. “A integração é essencial para o bom desempenho dos trabalhos. O programa Vigia é um bom exemplo disso, conta com representantes de várias forças para o combate ao crime organizado”, disse o secretário.

A operação Hórus, que apresenta constantemente resultados bons no combate ao crime, faz parte do programa Vigia. “Apreendendo drogas e contrabando, a operação também é um ótimo reforço para a segurança na região de fronteira”, afirmou Marinho.

De acordo com balanço da Secretaria de Operações Integradas, do Ministério da Justiça e Segurança Pública, foram apreendidos no Paraná, durante o primeiro ano da Operação Hórus, mais de 56 toneladas de drogas, 413 veículos e 93 embarcações.

As informações são correspondentes ao período de maio de 2019 até o início de junho de 2020. Segundo o próprio levantamento, as ações da Operação Hórus colaboraram para evitar um prejuízo de R$ 193 mil aos cofres públicos.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo impróprio ou ilegal, denuncie.