As ações de fiscalização sobre o cumprimento dos decretos de prevenção e combate à pandemia de coronavírus estão sendo intensificadas em Umuarama, para que a população cumpra as determinações. A cidade já conta com mais de 250 casos positivos de Covid-19, quatro mortes e um alto índice de ocupação dos leitos hospitalares destinados ao tratamento da doença – no último sábado, seis dos 10 leitos de UTI estavam ocupados, bem como metade das 30 vagas em enfermaria.

As autoridades reforçam o pedido de que as medidas da situação de emergência no município sejam observadas pela população nas residências, locais públicos, comércio e prestação de serviço. A Guarda Municipal deu apoio aos fiscais da Vigilância em Saúde na fiscalização e orientação aos estabelecimentos, entre sexta-feira, 3, e o último domingo, 5, além de atender a denúncias de descumprimento das normas.

No total, 118 vistorias resultaram em notificações, autuações e interdições. As denúncias levaram a equipe da ação integrada de fiscalização aos bairros, distritos, periferia da cidade e também na região central. Foram verificadas situações de pessoas contaminadas circulando pelas ruas ou em atividade em seus empreendimentos; aglomerações em bares e lanchonetes, abertos após o horário estabelecido pelo decreto municipal 172/2020; desrespeito às normas de saúde e prevenção ao coronavírus; aglomerações em empresas, residências e na rua.

Na sexta, uma casa de carnes e três bares e mercadinhos foram notificados pela equipe de Vigilância Sanitária – um estabelecimento funcionava sem alvará, um bar e um local que servia espetinhos receberam auto de infração por não respeitar medidas sanitárias, vários pontos foram orientados e acataram as recomendações; um mercadinho foi notificado por consumo de produtos em seu interior e outro por aglomeração.

No sábado, das 7h à 1h de domingo, foram realizadas 63 ações com apoio da Guarda Municipal. Havia estabelecimentos abertos fora do horário fixado pelo decreto, inclusive uma grande loja de departamentos foi notificada; 13 bares ou aglomerações denunciados foram checados e autuados, inclusive nos distritos de Santa Eliza e Serra dos Dourados; festas e churrascos residenciais foram orientados; mercados foram flagrados recebendo mais clientes que o permitido e havia atividades em campos de futebol e pista de motocross.

A Vigilância Sanitária notificou uma conveniência, bares e lanchonetes – inclusive um estabelecimento já reincidente. A Guarda dispersou rodas de amigos consumindo narguilé, aglomeração em uma ‘live’ de dupla sertaneja da cidade, com mais de 30 pessoas, e também recebeu uma série de denúncias infundadas.

No domingo o plantão foi mais tranquilo, porém 20 ações foram realizadas em conjunto entre a fiscalização e a Guarda Municipal. Havia conveniência vendendo produtos de forma disfarçada, casas agropecuárias e autopeças atendendo por delivery; açougue notificado atendendo pelos fundos foi notificado; bares, lanchonetes e afins abertos em Santa Eliza e Serra dos Dourados, mercearia aberta no Conjunto 28 de Outubro foi notificada.

Foram feitas ainda abordagens de pessoas para orientação no Lago Aratimbó; dispersadas aglomerações em residências, próximo a bares; orientação a culto evangélico em drivetrhu; e uma aglomeração de pessoas, veículos, motos e kart nas proximidades do shopping foi dispersada após orientação da fiscalização.

Em breve reportagem em vídeo!

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo impróprio ou ilegal, denuncie.