O deputado estadual Soldado Adriano José (PV) apresentou indicação para estudo de viabilidade técnico-financeiro para aquisição de viaturas policiais para atuarem em Cruzeiro do Oeste, Cidade Gaúcha, Pérola, Iporã (ROTAM) e Cianorte, além de solicitar o reforço também para Iguaraçu, Colorado ( sendo uma para Polícia Rodoviária e outra para Patrulha Rural), Tamboara e São João do Ivaí. A indicação foi encaminhada para a Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp) e para o Comando Geral da Polícia Militar do Paraná (PMPR).

Autoridades e moradores procuraram o parlamentar, que é vice-líder do governo da Assembleia Legislativa do Paraná, para que interviesse junto ao governador Ratinho Junior, demonstrando a importância da aquisição de novos veículos que auxiliem no patrulhamento ostensivo das áreas, localizadas na região de fronteira e porta para tráfico de entorpecentes.

Segundo Soldado Adriano José, é preciso reforçar o policiamento e conter a violência e os crimes ligados às drogas, que não são poucos nessas regiões. “Não há como oferecer Segurança Pública sem investir. Viaturas são uma das ferramentas importantes e necessárias para os policiais fazerem o enfrentamento a criminalidade. Essa ação, demonstra a seriedade e compromisso do Governador Ratinho Júnior com a Segurança Pública”, garantiu o deputado estadual.

Trabalho Integrado

De acordo com o parlamentar o trabalho integrado é muito importante em relação as forças de segurança, os municípios e deputados estaduais. “Nós precisamos trabalhar de forma integrada. Temos o apoio e uma sinergia muito grande do que a sociedade espera. Mesmo com todas as dificuldades, principalmente neste momento de pandemia, nós estamos tendo ações efetivas. O governo estadual tem feito sua parte e tem destinado recursos para todo o Paraná, para fortalecer as nossas unidades e ampliar ainda mais os atendimentos para a comunidade”, posiciona Soldado Adriano José.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo impróprio ou ilegal, denuncie.