A Secretaria Municipal de Educação iniciou nesta semana a entrega do segundo caderno de atividades para os alunos da rede municipal e também o recolhimento do primeiro caderno preenchido pelos alunos do 1º ao 5º ano. A troca do material obedece os protocolos de segurança com relação à pandemia de coronavírus e tem ocorrido sem aglomerações nem incidentes. Desta vez foram preparados 8.385 cadernos, que atenderão também as turmas de educação infantil 4 e 5.

Para dar mais segurança aos pais ou responsáveis pelos alunos e também para os servidores das escolas do município, a secretaria organizou a distribuição em três dias, por turmas. Na quarta-feira, 29, foram entregues os materiais para os pais dos alunos do infantil 4 e 5 e do 1º ano. Na quinta, 30, foi a vez das turmas do 2º e 3º ano e da Educação de Jovens e Adultos (EJA). Nesta sexta-feira, 31, as escolas receberão os responsáveis pelos alunos de 4º e 5º ano e das salas de recursos multifuncionais (SRM).

Na visita aos estabelecimentos de ensino, os pais entregam os cadernos antigos, recebem os novos e também orientações para a realização das atividades em agosto. O horário fixado para o atendimento é das 8h às 17h, sem intervalo para o almoço. O responsável pelo aluno deverá comparecer no horário em que a criança estuda.

“As escolas organizaram escalas de atendimento que as famílias aproveitem o horário de almoço para a devolução dos cadernos, que são colocados em caixas – sem contato manual dos servidores – e retiram o próximo caderno também devidamente limpo”, informou a secretária municipal de Educação, Mauriza de Lima Menegasso.

Por orientação do Centro de Operações de Enfrentamento à Covid-19 (COE) o contato é o mínimo possível. “Fizemos de tudo para reduzir ao máximo o risco de transmissão do vírus durante a troca. Não há contato nem nas canetas, para assinar os termos de entrega e retirada – que é preenchido pelos professores. É obrigatório o uso de máscara, o distanciamento social (caso haja filas) e a higienização das mãos com álcool gel”, reforçou a secretária.

Nestes dias, as secretarias das escolas municipais também estão recebendo novos cadastros para o Programa Merenda em Casa, caso a família do aluno ainda não tenha sido contemplada. A pandemia é o motivo da suspensão das aulas presenciais e no momento ainda não há previsão de retorno às salas de aula.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo impróprio ou ilegal, denuncie.