As informações sobre um suposto fechamento das lojas do grupo paraguaio Shopping China, que possui três estabelecimentos na fronteira, gerou grande repercussão nas redes sociais nesta quarta-feira (19). A informação publicada em perfis do Facebook e em portais de notícias, falava sobre as instalações em Salto Del Guairá (fronteira com Guaíra) e Pedro Juan Caballero (fronteira com Ponta Porã/MS). O boato foi desmentido pela gerência de marketing da empresa.

A nota enviada ao portal Umuarama News, diz se tratar de uma notícia falsa. “Informamos que essa notícia não é verídica. Estamos com portas fechadas ao publico devido à Covid-19. Estaremos anunciando em nossas redes sociais quando tivermos uma data para a reabertura”.

Viralizou

Diversos perfis em redes sociais publicaram a informação que também foi divulgada pelo portal de notícias paraguaio “Taboada” com a seguinte mensagem:

Confira a nota traduzida:

“Lamento informar que as instalações do Shopping China – Salto del Guairá, definitivamente deixarão de abrir suas portas aos clientes paraguaios e, portanto, aos estrangeiros residentes na região. As instalações comerciais foram parcialmente fechadas aos clientes locais e, dias atrás, os proprietários decidiram fechar totalmente as portas em Pedro Juan Caballero e Salto del Guairá. As razões ainda são desconhecidas. Descobrimos não oficialmente que o único local autorizado é Ciudad del Este, e as compras podem ser feitas online. Mais um golpe para os Saltoguaireños. Mais uma empresa que fecha completamente. Só temos que esperar e espero que não dure muito.”

O Portal Guaíra divulgou que o gerente da loja de Salto del Guairá publicou nas redes sociais que a nota é falsa. ”Gente, tranquilo, sou gerente geral da filial de Salto. Shopping China é uma empresa sólida no nosso país, continuará sempre operando e atendendo seus clientes, continuamos com as portas fechadas pelo motivo da Covid-19, a empresa tem habilitado sua plataforma de vendas online.”

 

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo impróprio ou ilegal, denuncie.