Desaparecido desde a tarde de terça-feira (15) o empresário Cristóbal Rojas Vallejos, conhecido como “Nene”, teve a morte confirmada na manhã de hoje (16) pelo promotor responsável pelo caso, Vicente Rodriguez. A vítima era um dos sócios do Shopping Queen Anne, no Paraguai.

Segundo o promotor, o crime trata-se de um sequestro, seguido por tortura e morte.

O corpo foi localizado com marcas de disparos realizados por arma de fogo em uma área arborizada no quilômetro 2 da Rota PY03, próximo ao Rio Paraná. Conforme relato de testemunhas, “Nene”, teria sido levado a força por dois homens após visita ao túmulo de seu filho no cemitério de Salto del Guairá, onde foram encontrados alguns de seus pertences pessoais.

A investigação agora gira em torno de identificar e prender os responsáveis.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo impróprio ou ilegal, denuncie.