Mais uma denúncia dos vereadores da oposição de Umuarama contra a atual administração foi julgada improcedente.

Desta vez, os vereadores Deybson Bitencourt, Jones Vivi, Mateus Barreto e Ana Novais, denunciaram possíveis irregularidades nas obras de reforma da Praça Santos Dumont, de responsabilidade da Prefeitura Municipal, entretanto essa foi mais uma vez denúncia improcedente.

Na representação da Lei nº 8.666/93, feita pela bancada de oposição, foi apontado o aditamento realizado sem atendimento aos aplicáveis ditames legais, despesas realizadas sem haver suficiente dotação orçamentária, ausência de entrega de parte dos serviços constantes no projeto, e o sistema de iluminação oneroso e com defeito.

Após a apresentação dos documentos pelo prefeito Celso Pozzobom, o Tribunal de Contas do Estado do Paraná, TCE-PR, julgou a denúncia improcedente no último dia 21.

A praça ficou creca de 45 anos sem revitalização e hoje é um ambiente muito frequentado pelas famílias umuaramaneses.

 

 

 

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo impróprio ou ilegal, denuncie.