Internado na enfermaria de um hospital de Umuarama, o motorista do Honda Civic que provocou o acidente que tirou a vida de Daniel Henrique da Silva, 32 anos, poderá ser autuado por homicídio doloso – quando há a intenção de matar. A Polícia Civil investiga o caso.

Segundo o delegado chefe da 7ª SDP “dependendo do relatório, imagens e testemunhas, poderá ser indiciado por Homicídio Doloso”, afirmou dr. Osnildo Carneiro Lemes.

Daniel faleceu ontem (22/11) no hospital, vítima de um grave acidente que aconteceu na tarde do sábado (21) na Avenida Paraná.

Ele trafegava em sua motocicleta pela Rua Governador Ney Braga e ao cruzar a Avenida foi atingido pelo Honda Civic, ocupado por 4 pessoas. Com o impacto da colisão, Daniel chegou a ser arremessado contra a parede de um estabelecimento comercial.

Segundo a Guarda Municipal, o condutor do carro avançou o sinal vermelho.

Além disso, imagens de uma câmera de segurança registraram o exato momento da colisão, e mostram também que o motorista seguia aparentemente em alta velocidade.

Confira o vídeo:

Todos os ocupantes do carro sofreram ferimentos.

A passageira da frente está hospitalizada em Unidade de Terapia Intensiva (UTI), já o motorista, uma outra mulher e criança seguem internados na enfermaria.

A ocorrência mobilizou viaturas do SAMU, Corpo de Bombeiros, Polícia Militar e Guarda Municipal.

Relembre:

 

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo impróprio ou ilegal, denuncie.