A Secretaria Municipal de Obras, Planejamento Urbano, Projetos Técnicos e Habitação acompanha de perto a qualidade do asfalto que está sendo construído na extensão da Avenida Portugal. Periodicamente são realizados ensaios específicos em laboratório próprio e os resultados têm atendido às exigências dos projetos. Na última semana foram realizadas extrações de corpos de prova para aferição de espessura no local e posterior análise laboratorial.

De acordo com o engenheiro Jefferson Oncken da Silveira, da Secretaria de Obras da Prefeitura, a avaliação dos recortes permite apurar a qualidade da cobertura asfáltica e o cumprimento do disposto nos projetos “No caso da Avenida Portugal, a espessura mínima exigida é de 4 cm e as amostras, que foram retiradas em pontos aleatórios do pavimento, cumpriram as especificações”, disse. O laudo final, porém, depende da conclusão dos ensaios.

A extensão da Avenida Portugal até a PR-482 está bem avançada e boa parte do trecho já recebeu capa asfáltica. A empresa responsável acelerou o ritmo de trabalho nos últimos meses com avanço do solo-cimento, construção de muro de arrimo, finalização das galerias e pavimentação.

Segundo o prefeito Celso Pozzobom, o prolongamento da avenida – cujo traçado atual vai da Praça Portugal até a Guarda Mirim (cerca de 500 metros) – foi concebido para estimular o desenvolvimento daquela região, que abriga várias empresas e tem grande potencial de crescimento, além de facilitar o acesso a bairros populosos, ao futuro shopping e à nova rodoviária, em fase final de obras.

O investimento na pavimentação é de R$ 4,9 milhões e a maior parte dos recursos é do governo do Estado, por meio do Programa ParanáCidade, além de contrapartida municipal. Serão 27 mil m² de asfalto novo, recapeamento e adequações no trecho atual. “Além de melhorar um importante acesso ao centro, a obra modernizará uma das rotas mais utilizadas pelo tráfego pesado, por conectar o fluxo que chega ao Paraná pela ponte de Porto Camargo (Icaraíma) à PR-323, e de lá ao Porto de Paranaguá e a outras regiões do Estado”, lembra o prefeito.

A avenida terá 3,2 mil metros de extensão (incluindo a parte antiga), da Praça Portugal até o trevo da PR-482. O serviço é realizado pela Sotram Construtora e Terraplenagem. “O município também pretende integrar a Portugal com outras avenidas importantes da cidade, como a Dr. Ângelo Moreira da Fonseca e a Rio Grande do Norte, para distribuir melhor o fluxo de tráfego”, acrescentou o secretário de Obras, Isamu Oshima.

Divulgação

Fonte: Prefeitura de Umuarama

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo impróprio ou ilegal, denuncie.